Blog Nana Banana

Morgana Andretta

Eles não usam Black Tie – Livro – vestibular UFPR

Olá meus queridos,

Sempre que eu conseguir ler um titulo do vestibular da Universidade Federal do Paraná (UFPR), trarei um contexto rápido para vocês e talvez assim ajuda-los a se preparar melhor para a prova.

Bom, hoje vou falar um pouco sobre “Eles não usam Black Tie” de Gianfrancesco Garnieri

Trata-se de uma peça teatral que foi escrita 1958 que acabou se tornando uma das principais obras da dramaturgia brasileira.

A história se passa em um conflito familiar causado por uma greve de operários. Neste conflito se encontra principalmente o Pai, senhor Otávio, um militante e organizador de greves, e seu filho mais velho Tião, jovem cuja noiva se encontra grávida e que por conta disso precisa apressar o casamento.
Tião trabalha na mesma fabrica que o pai e resolve não aderir a grave por conta de sua situação financeira, já que uma greve significa ficar sem receber por um longo período e ainda correr o risco de perder o emprego.
Tal decisão causa uma revolta em seu Otávio que resolve expulsar seu filho de casa.
Em meio a esse conflito, é possível se perceber a pobreza e simplicidade do operário, que ganha pouco e não pode usar um black tie. Também se nota a importância das greves para os trabalhadores e suas lutas em busca de uma vida melhor para si e sua família.

A obra é bem curtinha, o que permite uma leitura rápida e retrata uma realidade que é vivida até os dias atuais pelo povo brasileiro, que constantemente está realizando greve. As lutas nunca acabam e cada um luta do seu jeito, conforme pode.

Esse temática por seu atual é que permite a peça estar entre as escolhidas pela UFPR.

Escritor:
Gianfrancesco foi ator durante muitos anos, atuando em novelas como “Terra Nostra”, “Esperança” e “Belíssima”, principalmente em personagens que precisa-se de um ar italiano, faleceu em 2006 aos 71 anos.

Bjos e até a próxima.